Sibongile Khumalo

Considerada um tesouro nacional pelo ícone sul-africano, Nelson Mandela, Sibongile Khumalo estudou ópera e jazz, já se apresentou na Europa acompanhada de orquestra sinfônica e hoje é um dos símbolos da África do Sul.

Sibongile começou a se interessar pela música ainda criança, no bairro do Soweto, em Joanesburgo, quando aos oito anos de idade, seu pai, professor de música, a levou a aprender violino, canto, interpretação e dança. Mais velha, continuou a seguir a trilha do pai e estudou música em duas universidades: University of Zululand e Wits University.

Com uma imensa habilidade musical, ela interpreta uma grande variedade de gêneros, dos sons sul-africanos aos europeus e americanos. Em 1993 ganhou o prêmio Jovem Artista do Standard Bank, no Festival Grahamstown. No ano seguinte, apresentou-se na posse do presidente Nelson Mandela e também no seu aniversário de 75 anos. Essas informações me fizeram observar que tenho gosto musical parecido com o de Mandela. 😉

Sobre Sibongile, eu poderia escrever aqui mais umas cem linhas e não teria contado tudo de seu trabalho e seu conhecimento musical. Mas como a Quinta Quente pede música, vamos logo a ela. Em Mayihlome, o tema que vamos ouvir, ela fala que devemos nos preparar para lutar contra a Aids, com armas como educação sobre Aids, para enfrentar a devastação causada pela doença. Mayihlome, literalmente, significa armas.

No site music.org.za, é possível ler mais sobre a artista (em inglês).

Parece também que em breve a artista vai ter um site (quando escrevi o post ainda estava em construção).

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://mosanblog.wordpress.com/2011/06/30/sibongile-khumalo/trackback/

RSS feed for comments on this post.

5 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Te mete com a poderosa: “Essas informações me fizeram observar que tenho gosto musical parecido com o de Mandela.” Rsss. Sensacional e, como bem observou a Patrícia, realmente retrata o inconfundível ritmo da África! Sua voz melodiosa ainda é mais evidente em “Painful Joy” e em “lava vivi (Thando’s Groove)” não precisou nem de letra: esnobou com sua musicalidade… Só tem uma coisa que eu queria descobrir: qual seria a música preferida de Nelson Mandela? hahaha.

    • Hahaha. Sabia que a mana não ia deixar passar o comentário sobre o Mandela.

      🙂

      • AdorooO! 🙂

  2. Gostei. Esse é o ritmo que gosto da África. Muita harmonia mesmo. E mesmo não entendendo a letra, mas só de voce falar do que se trata, dá pra ver que não é só música mas letra também. Saudade de voce. Beijos

    • Vale lembrar que essa foi mais uma dica do nosso amigo Lisarb!

      E, de fato, não consegui a letra, só a explicação geral.

      Agradeço se alguém conseguir (letra e tradução, então, seria perfeito) e enviar para cá. 😉

      Beijo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: