Orgulho angolano

Com o patrocínio intelectual de David Borges, colaborador especial na área musical do Mosanblog, apresento a vocês hoje, Bonga. David o indicou como sendo o “Elvis” de Angola. Nos sites onde pesquisei para montar esse texto li descrições como: “sua música colocou seu país no mapa”, “é o rei entre os músicos angolanos” e “sua música consegue ser tanto mordaz e incisiva como terna e nostálgica”. Uau!

Bonga nasceu José Adelino Barceló de Carvalho, em 1942, na província de Bengo, em Angola. Em sua infância, conviveu com a marginalização das tradições angolanas devido à dominação colonialista portuguesa. Desde cedo, no entanto, ficou atento a essas tradições, ao folclore que sobrevivia nos bairros pobres onde viveu.

Hoje, tem mais de 30 discos gravados (recebeu os de ouro e de platina), com destaque para Angola 72, Kandandu, Raízes, Sentimento, Massemba 87, Kualuka Kietu, Mulemba Xangola e Diakandumba.

Um dos ritmos mais presentes em suas músicas é o semba (não confundir com samba, apesar de que aos ouvidos as músicas soem semelhantes), estilo musical entre os mais populares de Angola. O semba atual é resultado da fusão de ritmos diversos, baseados especialmente na percussão.

Abaixo, vamos ouvir uma música indicada pelo David e que ouço sempre aqui na RDP África (emissora de rádio portuguesa retransmitida em Moçambique): Mulemba Xangola.

Na pesquisa que fiz, descobri que Bonga produziu Mulemba Xangola em Portugal, para uma gravadora francesa chamada Lusafrica. Curiosamente, descobri também que a brasileira Marisa Monte gravou a música. Ponto para ela. Mas, cuidado, há sites por aí divulgando a composição como sendo de Carlinhos Brown. Ele canta juntamente com Marisa Monte. A composição é do Bonga.

Mulemba Xangola

Ê mulemba xangola
Ai-ué mulemba xangola
Kassanzu uá bixila
Menekenu mukuenu
Kubanza kuá muxima
Menekenu kubata

É mulemba xangola
Ai-ué mulemba xangola
Ai-ué luanda
Ai-ué n’gola
Ai-ué bahia
Etu mudietu

É mulemba xangola
Ai-ué mulemba xangola
Mulembeira milenar
Da magia kalundu
Angola ritual
Africanos olodum

É mulemba xangola
Ai-ué mulemba xangola
Salvador da tradição
Mulemba xangola
Unidas nações
Saudai-vos agora

É mulemba xangola
Ai-ué mulemba xangola

E já que o camarada é o “Elvis”, merece duas músicas. Aqui, um exemplo dele no palco, em Uma lágrima no canto do olho (Olhos molhados). Uma delícia de ver e ouvir.

Saiba mais visitando o Caipirinha Lounge.

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://mosanblog.wordpress.com/2010/09/16/orgulho-angolano/trackback/

RSS feed for comments on this post.

3 ComentáriosDeixe um comentário

  1. […] música africana, e já teve colaborações em trabalhos com artistas como Aliu Bari, Rui Mingas, Bonga, Manecas Costa, entre […]

  2. Eu bem que me tentava lembrar outra do Bonga. Esta “Lágrima no canto do olho” é de fato a mais conhecida dele. Acho que não existe cidadão dos PALOPs que não a conheça 🙂

  3. Gostoso mesmo o rítmo, principalmente dessa canção Tem uma lágrima no canto do olho! Bjs


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: